Que significa 'Deixar os mortos sepultar os seus próprios mortos'?

Jesus disse

As palavras de Jesus são profundas em seu significado e aplicação; esse é um dos versículos que mais pode trazer esclarecimentos quanto à realidade do maravilhoso reino que Cristo deseja nos dar.

Quando certo indivíduo se ofereceu para segui-lo com a condição de que antes o Senhor lhe permitisse sepultar seu pai, Jesus respondeu: “Deixe aos mortos sepultar os seus mortos” (Mateus 8:22). Nesse artigo você vai entender por que Jesus falou dessa forma e ver quais lições podemos tirar para nossa vida dessa história bíblica bastante interessante.




EXPRESSÕES DO IDIOMA


A primeira coisa que devemos entender aqui diz respeito às expressões idiomáticas que vemos em algumas passagens bíblicas, essa é uma delas. 

Uma expressão idiomática é algo que adquire sentido apenas para determinado contexto cultural de um lugar específico, por exemplo, em 1Sm 24:3 é dito que Saul:

“chegou a uns currais de ovelhas no caminho, onde estava uma caverna; e entrou nela, a cobrir seus pés; e Davi e os seus homens estavam nos fundos da caverna”. 

A expressão ‘cobrir os pés’ na versão NVI, que é a Bíblia numa linguagem mais contemporânea é traduzida como “fazer suas necessidades”, agora como você entenderia se alguém batesse em sua porta afirmando que estava precisando ‘cobrir os pés’? Estranho não? Essa variação de linguagem faz parte da diversidade cultural dos povos e é uma coisa comum em todos os países do mundo.

Da mesma forma o fato daquele homem pedir a Jesus para segui-lo só após sepultar seu pai pode parecer algo razoável em nossa forma de entender atual, inda mais tendo em conta que até Eliseu pediu a Elias para assumir o ofício de profeta com ele só depois de despedir-se de seus pais (I Reis 19:20). 

Porém aquele pedido do homem que foi á Jesus não significava que seu pai estava morto, na verdade ele estava vivo e com saúde! A grande maioria dos estudiosos do novo testamento confirma isso, estamos diante de mais uma expressão idiomática do contexto cultural da época de Jesus, e que significa basicamente: “Vou seguir-te, mas só após aproveitar minha vida e resolver meus problemas quanto à herança que hei de receber do meu pai”, ou seja, aquela era uma expressão que hoje em dia, reflete o exato pensamento de muitos jovens em relação ao reino de Deus.

👀 ATENÇÃO NESSAS DICAS:


- As 10 Melhores Bíblias de Estudo
- Baixar Coletânea de Louvor Completa
- 7 Passos para Preparar uma Pregação
- Aprenda Tocar Teclado AQUI

Quantos de nós já não ouvimos alguém dizer, ou mesmo não pensou algo do tipo:

Vou seguir a Deus, mas primeiro preciso aproveitar minha vida... 
Vou servir a Deus, mas só quando me aposentar... ou quando me formar... ou quando tiver independência financeira... ou ainda quando estiver solteiro... 
(Veja por exemplo em Eclesiastes 12 o que Salomão fala sobre isso.)

Confira - Os 7 Maiores Resgates da Bíblia

A pretensão daquele homem em seguir Jesus mediante certa condição era na verdade uma escusa que o desqualificava completamente para o chamado. Ele estava com conflito de interesses, onde sua estabilidade familiar era uma prioridade que estava à frente do reino que Cristo oferecia.

SEU PREPARO



Eu gosto muito da profundidade com que a palavra de Jesus esclarece e expõe a realidade das coisas, quando diz: “Deixe aos mortos sepultar os seus mortos” podemos tirar duas lições de grande sentido para nossa vida: primeiro a de que não se pode ter uma dedicação parcial a Deus, ou somos totalmente dele ou estamos contra ele, estar 90% com Jesus é o mesmo que estar 100% com o diabo.

O PONTO CHAVE


A segunda e mais impactante instrução que aprendemos aqui é o fato Jesus deixar implícito nas entrelinhas dessa história, que vida verdadeira só tem aquele que aceita o seu convite, quem o rejeita prefere ficar morto, isso é bastante contundente e inquestionável, todos na terra estão mortos espiritualmente até que respondam ao convite de Jesus para ter vida e vida em abundância (Jo 10:10). 

Quando damos desculpas para não seguirmos o mestre de fato estamos aceitando nossa condição de defuntos ambulantes, nos deixando enganar por promessas vazias de estabilidade numa realidade instável, sendo ludibriados pela ilusão satânica de prosperidade em uma terra onde a felicidade  é temporária e fugaz.

O que Jesus tem a nos oferecer é muito melhor que empregos, família, dinheiro e até mesmo cura para doenças físicas, por que todas essas coisas e inclusive nós mesmos somos passageiros nesse mundo. Trocar o reino eterno de Deus por essas coisas é de fato viver uma vida de zumbi, é ser um morto vivo.

Por isso aceite o convite de Jesus e...

... deixe que os mortos sepultem os seus próprios mortos. 

VEJA TAMBÉM


- Tudo Sobre Sexo Na Bíblia
- A Trajetória de José no Egito
- 4 Promessas de Deus Pra Quem Guarda o Sábado

- Curso Memorização da Bíblia