12 Erros fatais que transformam Crianças em Delinquentes (Alerta aos Pais)

Erros Filhos Delinquentes

A educação familiar é a primeira e mais eficaz escola para os filhos, a ignorância quanto aos procedimentos corretos na transmissão de valores e crenças para as crianças têm produzido resultados trágicos na sociedade.

Os pais são os maiores responsáveis pela conduta do filhos, por que são os encarregados de cuidar e orienta-los no melhor caminho, mas muitas vezes comentem erros fatais na forma como agem, transmitindo informações erradas que trarão sérios danos ao futuro deles.



Confira aqui 12 erros que são regras elementares na formação de delinquentes no lar, e que na maioria das vezes quais são praticados por ignorância de quem os aplica, fazendo-o até inconscientemente. 

REGRA 1


Desde a infância, dar ao seu filho tudo o que ele quiser. Desta maneira, ele vai achar que o mundo tem que dar-lhe tudo.

REGRA 2


Quando ele aprender palavrões, rir dele, isto o fará pensar que é engraçadinho e o encorajará a aprender frases “mais engraçadinhas” ainda, que mais tarde, vão lhe deixar completamente sem jeito.


REGRA 3


Nunca lhe dar instrução espiritual alguma. Esperar até que ele tenha vinte e um anos e deixe-o “decidir por ele mesmo”. Na verdade se não aprendeu de pequeno significa que aprendeu o oposto.


REGRA 4


Evitar o uso da palavra “errado”. alguns dizem que pode desenvolver nele um complexo de culpa. Isto condicionará seu filho a acreditar, mais tarde, que quando ele for preso a sociedade está contra ele, e ele é que
está sendo perseguido.

REGRA 5


Apanhar tudo que seu filho deixar espalhado: livros, sapatos, roupas. Fazer tudo por ele e assim, ele se acostumará a jogar todas as responsabilidades em cima dos outros.


REGRA 6


Deixa-lo ler e ver tudo que quiser. Cuide sempre das vasilhas, pratos, e limpeza da casa, mas deixe que a mente dele se alimente de lixo. Assim ele estará habituado a gostar do que existe de pior.


REGRA 7


Brigar com o cônjuge frequentemente na presença dele, deste modo, o filho fica com um trauma, e não ficará chocado, mais tarde, quando o lar se desfizer, nem quando não conseguir relacionar-se.

REGRA 8


Dar-lhe todo o dinheiro que quiser. Não permitir que ele trabalhe para ganhar dinheiro. Por que ele teria que adquirir as coisas com as mesmas dificuldades que você? Fazendo isso estará aberto o caminho dos vícios.

REGRA 9


Satisfazer qualquer desejo de comida, bebida e conforto que ele tenha. Alguns Dizem: “A inibição dos desejos pode dar origem a uma perniciosa frustração”. E assim está tendo uma firme lição de materialismo e consumismo, o mal da vaidade.

REGRA 10


Tomar partido contra vizinhos, professores e policiais. Todos eles estão de prevenção contra seu filho. Essa lição vai faze-lo sempre culpar os outros.


REGRA 11


Quando ele estiver seriamente envolvido em dificuldades, desculpe-se a si mesmo e fuja da responsabilidade dizendo: “Não sei porque você me dá tanto trabalho!” "conselho não faltou!". Assim estará atribuindo sua falta de responsabilidade a agentes externos.


REGRA 12


Prepare-se para uma vida de sofrimento e tristezas, se continuar seguindo essas regras, você está fazendo tudo para tê-la.

SUA RESPONSABILIDADE


Responsabilidade da mãe

É muito pertinente aqui a mensagem do famoso poema da escritora americana Doris Law Nolte, que trata de como as crianças aprendem pelo comportamento dos pais:

As crianças aprendem o que elas vivem:


Se uma criança é criticada, ela aprende a condenar.
Se uma criança é maltratada, ela aprende a brigar.
Se uma criança é ridicularizada, ela aprende a ser tímida.
Se uma criança é envergonhada, ela aprende a carregar a culpa.


Se uma criança é tolerada, ela aprende a ter paciência.
Se uma criança é encorajada, ela aprende a ter confiança.
Se uma criança é valorizada, ela aprende a valorizar.
Se uma criança é tratada com justiça, ela aprende a ser justa.
Se uma criança recebe segurança, ela aprende a ter fé.
Se uma criança recebe aprovação, ela aprende a se amar.
Se uma criança se sente aceita e amada, ela aprende a encontrar amor no mundo.

CONCLUSÃO


Você acompanhou aqui 12 erros comuns, porém fatais, que os pais cometem e como consequência transformam as inocentes crianças em delinquentes inveterados, da mesma forma também aprendeu que para obter resultados positivos na educação dos filhos basta evitar praticar as 12 regras contidas nessa lista, substituindo cada uma pelo procedimento inverso, como segue:

  1. Não dê tudo que o filho pede; só o que precisa.
  2. Não ria de seus palavrões, corrija-os.
  3. Ensino-o a respeitar e reverenciar Deus e sua palavra.
  4. Faça-o sentir-se responsável pelos resultados que alcança, quer sejam bons ou ruins.
  5. Não faça por ele o que ele pode fazer.
  6. Selecione o que há de melhor para sua educação.
  7. Não brigue nem discuta na presença dele.
  8. Der-lhe o dinheiro necessário e ensine-o a economizar.
  9. Reprima seus desejos egoístas por coisas supérfluas.
  10. Confronte-o com a verdade e a justiça, e não encubra seus erros.
  11. Assuma a responsabilidade pela educação de seus filhos, pois você é o principal encarregado disso.
  12. Assim o resultado será diferente.
  13. [Faça um Curso]: Material Educativo Pra Crianças AQUI.

VEJA TAMBÉM


- 45 Perguntas Sobre o Dízimo
- Vídeos 'A Última Esperança' AQUI
- Seminário 'O Grande Conflito' Lições AQUI